Close
Ao redor do mundo em 10 filmes estrangeiros ganhadores do Oscar

Ao redor do mundo em 10 filmes estrangeiros ganhadores do Oscar

Da Alemanha à Argentina, Musement compartilha dez filmes estrangeiros premiados pelo Oscar.

Seja através de livros, Netflix, arte virtual ou livros para colorir, estamos todos tentando tirar o melhor proveito do nosso tempo de inatividade atualmente. Filmes estrangeiros são sem dúvida intrigantes, porém muita gente na hora de escolher um filme para assistir em casa prefere escolher um gênero que já é acostumado a assistir. Agora que temos um pouco mais de tempo, o que você acha em expandir seus horizontes?

O Oscar, é um bom lugar para começar. Confira dez filmes estrangeiros que levaram para casa o troféu de Melhor Longa Metragem Internacional.

1. Parasita, Coréia do Sul, 2020

Considerando que o thriller da comédia sombria de Bong Joon-ho levou para casa não apenas o prêmio de Melhor Longa-Metragem Internacional, mas também Melhor Filme (o único filme a fazê-lo), Parasita é um lugar adequado para começar – se você ainda não viu é claro. O filme segue os esquemas de uma família de classe baixa que, enganosamente, se infiltra na casa de uma família rica.

2. A Vida dos outros, Alemanha, 2006

A estreia no cinema de Florian Henckel von Donnersmarck, A Vida dos outros se passa na Berlim Oriental durante os anos 80 e conta a história de um casal de destaque (dramaturgo e atriz) sob vigilância da Stasi. Este inesquecível filme oferece uma visão bem realista da vida ao leste do Muro de Berlim durante esse período.

3. A Grande Beleza, Itália, 2014

O maravilhoso filme artístico Felliniesque de Paolo Sorrentino relata a vida de Jep Gambardella, um rico escritor de 65 anos que adora mulheres e festas. Ele começa a refletir sobre sua vida, seu passado e o que o espera no futuro, e a cidade de Roma é tão personagem quanto Gambardella.

4. Amor, Áustria, 2012

O filme austríaco em língua francesa de Michael Haneke mostra um casal de idosos aposentados, oferecendo uma visão comovente da velhice. A esposa sofre um derrame, que paralisa um lado do corpo, e testa a força do vínculo matrimonial.

5. Roma, México, 2019

A visão semiautobiográfica de Alfonso Cuarón sobre sua vida na Cidade do México conta a história de Cleo, uma empregada doméstica de uma família rica. Este magnífico filme gera uma sobrecarga emocional, por isso, tenha lenços à mão.

6. A Separação, Irã, 2011

O filme de Asghar Farhadi relata a história de um casal que se separa e os efeitos que essa separação tem sobre a filha, que permanece com o pai. Seu pai sofre de Alzheimer e ele contrata um técnico de classe baixa para cuidar dele.

7. O Tigre e o Dragão, China 2000

O filme de artes marciais de Ang Lee, Wuxia, é épico. Da graciosa cena de perseguição no teto às intrincadas sequências de lutas coreografadas por Yuen Wo Ping, que orquestrou as de Matrix, o filme foi inovador em várias frentes.

8. O segredo dos seus olhos, Argentina, 2009

O thriller policial de Juan José Campanella, produzido em colaboração com a Espanha, retrata um funcionário do judiciário e um funcionário da lei, observando um estupro e assassinato que eles investigaram juntos em 1974 e relembrando o ocorrido 25 anos depois. O filme vai do presente ao passado em todo o momento.

9. Infância Roubada, África do Sul, 2005

Este filme de Gavin Hood foi adaptado de um romance de mesmo nome. Ambientado em uma calçada de Joanesburgo, conta a história de seu personagem titular, um malandro de rua que rouba um carro e descobre um bebê no banco de trás.

10. Ida, Polônia, 2015 filme

O drama de Paweł Pawlikowski, ambientado em 1962, retrata uma jovem que ficou órfã durante a Segunda Guerra Mundial. Pouco antes de entrar no convento, ela conhece sua tia e descobre que sua família era judia, elas então embarcam em uma jornada juntas para descobrir o que aconteceu com seus pais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close