Close
Checklist para viajar: 11 coisas imprescindíveis

Checklist para viajar: 11 coisas imprescindíveis

Preparamos uma checklist do que você deve fazer com antecedência antes de viajar para um país estrangeiro.

Se você está planejando uma aventura no exterior, a última coisa que você precisa é uma ou duas surpresas de última hora – algumas coisas você não deve deixar ao acaso. Quer você esteja visitando um país vizinho por uma semana ou fazendo um mochilão do outro lado do mundo por alguns meses, a Musement preparou uma lista essencial com tudo o que você deve ter em mente.

1. Passaporte

Não é raro que alguém não possa embarcar em um avião devido a um passaporte expirado ou mesmo um passaporte que expira perto da data da viagem. Para garantir que isso não aconteça com você, pelo menos um mês antes da viagem, verifique se o seu passaporte não expira antes ou durante as datas da viagem. Lembre-se de que você também deve ter páginas em branco suficientes. Se você precisar renovar o seu passaporte antes da viagem, provavelmente terá que marcar um agendamento com a Polícia Federal, o que pode significar uma espera de semanas ou talvez até meses, dependendo da situação na sua cidade.

2. Cartões de embarque e reservas

Não se esqueça de imprimir as informações dos vôos que você vai precisar durante sua viagem, assim como as reservas de hotel, carro e atividades. Nos dias de hoje, você geralmente pode mostrar os bilhetes no seu celular, mas pode ser que você não tenha acesso à Internet durante toda a sua viagem e alguns países podem exigir cópias impressas. Vale sempre a pena imprimir tudo com antecedência para evitar problemas em circunstâncias imprevistas, pois a tecnologia às vezes pode nos decepcionar.

3. Vistos

Faça seu dever de casa e veja se você precisará de algum tipo de visto para o país ou países que você vai visitar durante sua viagem. Se você estiver viajando por menos de três meses, é improvável que você precise fazer algum tipo de papelada, principalmente para a Europa e América do Sul. No entanto, há muitos países para os quais você precisa adquirir um visto, mesmo que seja uma estadia curta. Para os Estados Unidos, por exemplo, você é obrigado a tirar o visto em um consulado americano presencialmente. Outros países exigem vistos turísticos, mesmo que você só esteja lá por alguns dias. Também é essencial saber quantos dias o seu visto lhe permite ficar no país porque o excesso de permanência é ilegal e pode resultar em uma multa ou restrição de viagem futura.

4. Vacinas e saúde

Há muitos países para os quais as vacinas são necessárias ou recomendadas. Se você estiver viajando para um país tropical, provavelmente precisará ser vacinado contra doenças como a febre amarela ou trazer algum tipo de medicação de emergência com você, como por exemplo pílulas contra malária. É importante verificar as vacinas necessárias com pelo menos dois meses de antecedência e consultar um médico se você não tiver certeza do que precisa. Também é importante preparar um kit de primeiros socorros com medicamentos essenciais que sejam adequados ao seu destino. Se você estiver viajando em uma área tropical, por exemplo, não se esqueça de levar repelente de insetos.

5. Seguro de viagem

Apesar de ter tomado todas as precauções necessárias antes da sua viagem, comprar um seguro de viagem com cobertura total é um dos pontos mais importantes da lista. Se tudo correr bem, você não precisará usá-lo, mas se você precisar ir ao médico por qualquer motivo, é do seu interesse ter um seguro, pois contas médicas estrangeiras podem se tornar exorbitantes. Certifique-se de ter todos os detalhes necessários para solicitar a assistência da sua companhia de seguros no caso de precisar de cuidados médicos no país de destino.

6. Segurança e eventos de última hora

Verificar os conselhos de viagem para países específicos, bem como os alertas recentes para turistas e visitantes, é essencial antes de embarcar numa viagem. Se você checar antes do tempo, vai poder mitigar possíveis problemas porque você saberá quais áreas são seguras e quais você deve evitar. O site do consulado geralmente tem esse tipo de informação, e é recomendável que você o consulte regularmente. Também é importante manter-se atualizado sobre as notícias do seu país de destino, especialmente se você estiver viajando para zonas de conflito ou áreas com greves em andamento.

7. Temperatura e clima

A melhor maneira de fazer as malas é consultar a previsão do tempo e clima do seu país de destino para as datas da sua viagem. Se você estiver viajando para outro continente – principalmente a Ásia – provavelmente existem estações secas e chuvosas, por exemplo. Além disso, há lugares no mundo onde está quente durante o dia, mas frio à noite. É importante que você tenha todos esses detalhes antes de fazer as malas e que não se esqueça de nenhum dos itens mais importantes.

8. Dinheiro

Verifique a moeda do país de destino e certifique-se de trocar dinheiro suficiente de antemão no seu banco ou casa de câmbio. Lembre-se de que trocar dinheiro no aeroporto é uma opção conveniente, mas as taxas não vão estar a seu favor. Não se esqueça também de que existem moedas que não estão disponíveis nos bancos nem nas casas de câmbio se não as solicitar antes do tempo. Se você está planejando usar seu cartão de crédito em um país estrangeiro, certifique-se de avisar seu banco com antecedência para que seus gastos não sejam recusados como medida de segurança.

9. Adaptadores e tecnologia

Verifique que tipo de adaptador você precisa para o país para onde está viajando e considere a opção de levar um carregador portátil se você tiver vários dispositivos para carregar à noite. Se você quiser ter acesso à internet no seu telefone durante a sua viagem, é recomendável saber quais cartões SIM você pode obter no seu destino. Não se esqueça de desativar o roaming no seu telefone se não tiver um contrato que lhe permita utilizar o seu telefone no estrangeiro.

10. Entretenimento

Pode parecer secundário, mas é importante trazer algo para o seu entretenimento. Nunca se sabe se seu vôo vai atrasar e você vai ficar preso no aeroporto por horas sem nada para fazer. Um bom livro, música ou qualquer tipo de entretenimento pode salvá-lo de horas de tédio. Também é útil trazer uma caneta e papel, caso você precise anotar algo importante e não tenha o seu celular em mãos

11. Idioma

Tente aprender algumas palavras ou expressões básicas na língua do país para que seja capaz de comunicar. No mínimo, você deve aprender saudações e palavras básicas como “por favor” e “obrigado”. Não custa nada levar um dicionário, seja em forma física ou eletrônica. Fazer um esforço de comunicação na língua local tornará a sua experiência muito mais autêntica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close