Close
Pelo mundo com 20 comidas típicas

Pelo mundo com 20 comidas típicas

Viajar é o passatempo preferido de muita gente e provar os sabores de diferentes partes do mundo é uma das melhores formas de fazer isso! Então, que tal conhecer 20 pratos típicos de 20 países diferentes?

Como você já sabe, para nós do Musement, viajar é muito importante! Seja de avião ou de trem, gostamos de fazer viagens improvisadas, porém bem organizadas, para destinos distantes. Também adoramos imaginar os pratos deliciosos que provaremos em nossas aventuras. Por isso, gostaríamos de levar você em uma viagem para conhecer 20 pratos de diferentes partes do mundo, mesmo sabendo que nosso itinerário inevitavelmente ignorará opções deliciosas (que nos comprometemos a conhecer no futuro). Vamos nessa?

1. Espaguete ao pomodoro

Aonde quer que você vá – norte ou sul, leste ou oeste – a massa é o produto que melhor representa a Itália na mente das pessoas. Decorada com molho de tomate, folhas de manjericão e uma pitada de queijo ralado (parmesão, pecorino ou ricota dura, de acordo com a região e a preferência), este prato lembra as cores da bandeira italiana.

2. Paelha

A receita original de Valencia é feita com arroz, açafrão, especiarias, legumes, carne e peixe, porém também existem deliciosas variações com tinta de lula e ingredientes vegetarianos. Não deixe de experimentar quando for conhecer a Espanha.

3. Moules-Frites

A combinação pode parecer estranha, mas este prato típico da Bélgica é uma delícia: mexilhões, batatas fritas e molhos incríveis, como o de vinho branco ou queijo azul. Sim, você leu certo: queijo azul em mexilhões! É bem requintado.

4. Croquete holandês, Países Baixos

Essas deliciosas almôndegas são servidas na Holanda como acompanhamento da cerveja e são preparadas com molho de carne e bechamel, que dão a elas uma textura macia e as fazem derreter na boca.

5. Escargots

Ou ‘caracóis’ para os leigos, este prato mundialmente famoso agrada tanto quanto desagrada. Trata-se de um prato refinado e surpreendente, que pode ser apreciado em Paris e outros lugares da França.

6. Smorrebrod

Uma das comidas mais deliciosas de todos os tempos, este ingrediente básico da cozinha dinamarquesa é simples, delicioso e apetitoso. Smorrebrod consiste em uma fatia de pão preto amanteigado coberto com peixe, como salmão ou arenque defumado, ou carne, queijos, molhos de vários tipos e picles.

7. Couve recheada, Hungria

São os tradicionais rolinhos húngaros, preparados com folhas de couve, recheados com carne e trigo sarraceno e cozidos no forno em um delicioso molho.

8. Pelmeni, Rússia

Este prato russo se assemelha a raviolis, só que em um tamanho maior. Eles podem ser recheados com carne ou legumes e são servidos em caldo, manteiga, páprica, endro ou creme de leite.

9. Chamuça, Índia

Uma comida de rua tipicamente indiana, a chamuça tem um formato triangular compacto que a torna fácil de comer. Este triângulo de massa frita é recheado com batatas, especiarias, pimentão, legumes ou carne.

10. Zighinì, Eritrea

Um prato tradicional da Eritreia, preparado como uma combinação de frango picante ou ensopado de carne, salada, vegetais cozidos e legumes, servido sobre injeras, panquecas azedas que servem tanto para saborear quanto para substituir pratos.

11. Feijoada, Brazil

Feijão preto com diferentes tipos de carne de porco (costela, bacon, salsicha), especiarias e arroz branco. Este é o prato brasileiro mais famoso.

https://www.instagram.com/p/By24JlAH9ix/

12. Arepa, Venezuela

Este pequeno pão amanteigado feito com farinha de milho pode ter todo tipo de recheio, mas principalmente carne temperada ao estilo venezuelano. É um prato perfeito e saboroso.

13. Potjiekos, África do Sul

Este prato tradicional da África do Sul tem uma história e modo de preparo bem interessantes. O nome vem de uma panela de três pernas usada para prepará-lo, o Potjie. No africâner, “Potjiekos” significa literalmente ‘pequeno prato de comida’: nesse caso, a comida deve ser preparada no Potjie em fogo aberto, a partir de carne marinada em cerveja ou xerez, cenoura, repolho, abóbora, couve-flor, batata ou arroz, coberto com especiarias holandês-malaios.

14. Bife de canguru, Austrália

A carne canguru é um ingrediente básico da cozinha australiana. Pode ser encontrada em diversos lugares e em forma de bife, almôndegas, hambúrgueres ou salsichas. É muito magra e rica em proteínas, por isso tende a ser fundamental nas dietas infantis.

15. Haggis, Escócia

Este é o prato nacional da Escócia: o estômago da ovelha recheado com pulmões, coração e gordura dos rins. Só podemos dizer que quem prová-lo será altamente recompensado com uma explosão de sabores bem diferentes.

16. Amok, Cambodia

Talvez o prato mais famoso da culinária Khmer, o Amok é um filé de peixe coberto com kroeung (um molho feito de açafrão e outras especiarias), assado com amendoim, leite de coco e ovos, e às vezes embrulhado em folhas de bananeira.

17. Bao, China

Antigamente, o prato chinês mais famoso eram os rolinhos primavera, só que hoje em dia, os sanduíches recheados com carne cozida no vapor (porco, frango ou pato) ou legumes são o prato mais estimado pelos amantes da gastronomia mundo afora.

18. Takoyaki, Japão

Falando em gastronomia, não podemos deixar de mencionar o takoyaki, comida de rua na forma de bolinhos de polvo quentes, servidos com lascas finas de atum-bonito e algas secas, que parecem borboletas batendo as asas por causa do calor subindo dos bolinhos.

19. Pouding-chômeur, Canadá

O nome deste prato passa a ideia de algo muito sofisticado, mas na verdade aponta para as origens “humildes” desta receita canadense. Significa simplesmente “pudim dos desempregados”: um bolo de manteiga coberto com uma calda feita de açúcar e água para obter uma consistência semelhante à do pudim. Costuma ser servido com sorvete e xarope de bordo.

20. Hambúrguer e batatas fritas

Com vocês, o prato que ajudou a disseminar o sonho americano para todo o mundo: o hambúrguer com uma porção de batatas fritas. E uma curiosidade: na verdade, a palavra “hambúrguer” é de origem alemã, usada para descrever os habitantes de Hamburgo, o que apenas confirma as origens europeias até do prato mais americano que você possa imaginar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close